betsson

- publicidade -
HomeBlogPage 3

99 não terá que revelar algoritmo em ação trabalhista

0

Taxista entrou com ação trabalhista pedindo vínculo trabalhista com a 99. TST suspende perícia no algoritmo: segredo empresarial

Decisão do TST é contra pedido em ação trabalhista de taxista de Belo Horizonte contra a 99
Decisão do TST é contra pedido em ação trabalhista de taxista de Belo Horizonte contra a 99

O Tribunal Superior do Trabalho (TST) concedeu mandado de segurança à 99 Taxis Desenvolvimento de Softwares Ltda para cassar decisão que havia determinado a realização de perícia técnica no algoritmo do aplicativo da empresa. Uma decisão da Justiça do Trabalho em Minas Gerais havia solicitado o procedimento para identificar (ou não) algum tipo de gestão dos motoristas associados. Para os ministros, revelar o algoritmo poderia violar a propriedade intelectual e industrial da 99 Taxis.

LEIA:
Dono protesta com Volvo XC40 queimado na porta da concessionária
GWM Haval H6 vende mais que Corolla Cross em maio
VÍDEO | Nissan Sentra 2023 Exclusive ganha pelo design e conforto
Jeep Renegade é investigado pelo MP por grave defeito
Novo carro popular: Governo reduz imposto para modelos até R$ 120 mil

Tudo começou em abril de 2022, quando um taxista ajuizou ação trabalhista pedindo reconhecimento de vínculo empregatício com a 99, informando que teria se cadastrado na plataforma em 2017 e sido bloqueado em 2020.

Para isso, o taxista pediu uma perícia técnica no algoritmo da empresa. A solicitação foi autorizada pelo juiz da 33ª Vara do Trabalho de Belo Horizonte (MG).

RecebanotíciasnoWhatsApp!
Inscreva-se em nosso canal no YouTube
Assine nosso canal no Telegram

O magistrado disse que a definição da natureza da relação entre as partes depende da subordinação e, no caso, exige a verificação e o exame das formas de gestão algorítmica. A perícia técnica no código fonte revelaria o contexto em que se dá a relação de trabalho intermediado pela 99 e os motoristas ou taxistas. O juiz determinou que o processo passasse a tramitar em segredo de justiça.

Mandado de segurança

A 99 Taxi recorreu da decisão, mas o pedido foi negado pelo Tribunal Regional do Trabalho (TRT) da 3ª Região (MG). O desembargadores entenderam que a edida teria amparo na Lei de Propriedade Industrial (Lei 9.279/1996).

Segredo do algoritmo

No recurso ao TST, a 99 sustentou que a perícia implica risco de danos irreparáveis ao segredo empresarial.  Para o relator do recurso, ministro José Luiz Dezena da Silva, não é razoável que empresas de tecnologia devam expor informações secretas que possam comprometer a competitividade no mercado em que atuam.

Segundo o magistrado, a perícia no algoritmo da 99 torna vulnerável a propriedade intelectual e industrial em relação aos pontos de atuação e à identificação das correlações de dados de inteligência utilizados pela empresa, e essa situação é irreversível.

“Não é crível que empresas de tecnologia, como da espécie, devam expor e revelar informações secretas que possam comprometer a competitividade no mercado em que atuam”, declarou o ministro, que ainda exemplificou com vários processos em que o acesso ao algoritmo foi negado. Todos os demais magistrados votaram a favor de cassar a decisão e preservar o sigilo da 99 Taxis.

Audi RS 6 Avant Performance chega com pintura mais cara que um Kwid

0

Perua nervosa tem motor V8 de 830 cavalos e faz de 0 a 100 em 3,4s. Audi RS 6 Avant Performance custa R$ 1,1 milhão

AAudi do Brasil anuncia a chegada do novo Audi RS 6 Avant Performance, uma perua nervosa para quem precisa de um bom espaço para a família, sem abrir mão da adrenalina de um verdadeiro esportivo. O modelo chega ao Brasil no primeiro semestre de 2024, mas, como é típico desse tipo de produto, é bom o interessado já garantir o seu. A perua chega por R$ 1.193.990 na modalidade venda direta.

O destaque do RS 6 Avant Performance é o motor 4.0 litros TFSI V8 biturbo, que passou por um processo de melhoria. A Audi alterou os turbo-compressores com uma pressão máxima aumentada para 2,6 bar (em comparação com 2,4 bar no modelo anterior).

Graças a disso, agora a perua nervosa tem 630 cavalos, ante os 600 de antes. O torque também ficou consideravelmente melhor, de 800 Nm para 850 Nm na faixa de 2.050 a 4.500 rpm. Essa potência é transferida para as rodas por meio de uma transmissão tiptronic de oito velocidades e um sistema de tração integral permanente quattro.

Audi RS6 Peformance chega ao Brasil

O powertrain permite que o RS 6 Avant Performance atinja 100 km/h em 3,4 segundos, 0,2 segundos mais rápido do que seu antecessor. A aceleração de 0 a 200 km/h é concluída em 11,7 segundos, e a velocidade máxima é de 280 km/h. Além disso, o carro possui um novo sistema de exaustão que intensifica a experiência sonora.

A perua também oferece seis modos de condução diferentes através do Audi drive select. Isso inclui Efficiency, Comfort, Auto, Dynamic e os modos customizáveis RS1 e RS2.

V8 com assistência elétrica

O Audi RS 6 Avant Performance também apresenta um novo diferencial central autoblocante, que é mais leve e compacto. Ele direciona a força motriz na proporção de 40:60 para os eixos dianteiro e traseiro. Se necessário, mais torque pode ser direcionado automaticamente para o eixo com melhor tração, com até 70% indo para as rodas dianteiras e até 85% para as rodas traseiras.

E a Audi nem dá tanto enfoque, mas a verdade é que esse esportivo travestido de perua é um V8 híbrido-leve! O carro utiliza a tecnologia de assistência elétrica MHEV, que inclui uma bateria de íons de lítio e um alternador de correia em um sistema elétrico primário de 48 volts. Isso combina desempenho, eficiência e redução nas emissões de poluentes.

O modelo pode se deslocar em velocidades entre 55 e 160 km/h com o motor desligado, reiniciando-o rapidamente e com conforto. Durante a desaceleração, o sistema pode recuperar até 12 kW de energia e o sistema start-stop entra em ação a partir dos 22 km/h.

Design

O RS 6 Avant Performance tem aquele perfil station wagon, que continua a atrair um público exclusivo, num universo cada vez mais dominado pelos SUVs. A dianteira do veículo apresenta tomadas de ar e faróis Full LED Matrix. Nas laterais, saias destacam a presença esportiva do carro, enquanto na traseira, as lanternas em LED e as saídas de escapamento ovais complementam o visual com harmonia.

O interior da station wagon, com telas sensíveis ao toque no painel de instrumentos e no console central. O display superior oferece o sistema MMI com informações e opções de personalização, enquanto o display inferior controla funções de climatização e conforto. O painel digital Audi Virtual Cockpit oferece uma ampla gama de informações, incluindo temperatura e pressão dos pneus, além de gráficos de desempenho.

RecebanotíciasnoWhatsApp!
Inscreva-se em nosso canal no YouTube
Assine nosso canal no Telegram

Além dos atributos de desempenho, trata-se de uma perua, boa para buscar as crianças na escola ou viajar em família. São 565 litros no porta-malas, volume pouco encontrado em carros com essa configuração de potência. Suas dimensões são 4.995 mm de comprimento, 2.110 mm de largura, 1.487 mm de altura e 2.930 mm de distância entre-eixos. Com um tanque de combustível de 73 litros, ele é adequado para longas viagens, mas ainda sim candidato a amigo do posto de gasolina.

Cores mais caras que um Kwid

Entre as opções de cores da carroceria, há as tonalidades Cinza Nardo (Sólida); Azul Ascari, Branco Geleira, Prata Florete, Vermelho Granadina, Preto Mito (Metálicas); Cinza Daytona (Perolizada); e Preto Sebring (Efeito Cristal).

Para quem vai pagar mais de R$ 1 milhão no carro, nada melhor que personalizar o modelo com usa cor favorita. Para isso, a marca oferece as linhas Audi Exclusive e Audi Exclusive Fosco, pelos valores adicionais de R$ 57.000,00 e R$ 85.000,00, respectivamente. Nesse último caso, mais caro que um Renault Kwid zero quilômetro.

LEIA:
Dono protesta com Volvo XC40 queimado na porta da concessionária
GWM Haval H6 vende mais que Corolla Cross em maio
VÍDEO | Nissan Sentra 2023 Exclusive ganha pelo design e conforto
Jeep Renegade é investigado pelo MP por grave defeito
Novo carro popular: Governo reduz imposto para modelos até R$ 120 mil

Toyota investe US$ 8 bi para produzir bateria de carros elétricos

0

Fábrica nos EUA terá 3 mil novos empregos com ampliação da linha. Toyota vai fabricar bateria de carros elétricos e híbridos plug-in (PHEV)

Toyota Camry Hybrid 2024: marca aposta na fabricação de baterias para carros elétricos e híbridos
Toyota Camry Hybrid 2024: marca aposta na fabricação de baterias para carros elétricos e híbridos

AToyota anunciou nesta terça (31) um investimento extra de quase US$ 8 bilhões na sua fábrica de baterias nos Estados Unidos. Segundo a empresa, o aporte deverá criar pelo menos 3.000 empregos à Toyota Battery Manufacturing North Carolina (TBMNC). E não é o investimento inicial: somados já são US$ 13,9 bilhões aplicados na planta, reforçando ainda mais a abordagem de múltiplos caminhos da Toyota para a eletrificação global de veículos.

LEIA:
Dono protesta com Volvo XC40 queimado na porta da concessionária
GWM Haval H6 vende mais que Corolla Cross em maio
VÍDEO | Nissan Sentra 2023 Exclusive ganha pelo design e conforto
Jeep Renegade é investigado pelo MP por grave defeito
Novo carro popular: Governo reduz imposto para modelos até R$ 120 mil

Segundo a Toyota, esse novo aporte visa ampliar capacidade para a produção de baterias de veículos elétricos a bateria (BEV) e veículos híbridos plug-in (PHEV). O plano inclui a adição de oito novas linhas de produção de baterias BEV/PHEV às duas previamente anunciadas, totalizando assim dez linhas de produção. Com o anúncio de hoje, a Toyota North Carolina consolida sua posição como epicentro da produção de baterias de íon-lítio da empresa na América do Norte.

RecebanotíciasnoWhatsApp!
Inscreva-se em nosso canal no YouTube
Assine nosso canal no Telegram

A Toyota é uma pioneira em veículos eletrificados, com mais de 24,6 milhões de veículos híbridos, híbridos plug-in, células de combustível e veículos elétricos a bateria nas estradas globalmente. Até 2025, a empresa planeja ter uma opção eletrificada disponível para cada modelo da Toyota e da Lexus globalmente.

A Toyota planeja aumentar a produção gradualmente, com lançamentos de linhas previstos até 2030, com a meta de atingir uma produção anual de mais de 30 GWh.

Mitsubishi Pajero Sport 2024 ganha versão ‘lenda’ por R$ 410 mil

0

SUV ganha atualizações para rivalizar com o SW4 Diamond, inclusive no preço. Mitsubishi Pajero Sport 2024 tem motor turbodiesel de 190 cv

A Mitsubishi Motors do Brasil lança o Pajero Sport 2024, trazendo uma nova versão Legend. A promessa é tornar o SUV raiz uma “lenda”, inclusive no preço que ultrapassa os R$ 400 mil. Contudo, a marca também afirma ter reestruturado o line-up do modelo para oferecer outras opções mais em conta.

LEIA:
Dono protesta com Volvo XC40 queimado na porta da concessionária
GWM Haval H6 vende mais que Corolla Cross em maio
VÍDEO | Nissan Sentra 2023 Exclusive ganha pelo design e conforto
Jeep Renegade é investigado pelo MP por grave defeito
Novo carro popular: Governo reduz imposto para modelos até R$ 120 mil

As versões disponíveis para o Pajero Sport 2024 agora incluem:

  • HPE: R$ 339.990
  • HPE-S: R$ 369.990
  • Legend: R$ 409.990

A versão topo de linha, o Legend 2024, chega ao mercado com algumas características exclusivas que a colocam como uma opção interessante, especialmente quando comparada ao Toyota SW4 Diamond, seu grande rival.

O Pajero Sport 2024 Legend se destaca pelas rodas de 20 polegadas com acabamento em fumê, maçanetas e retrovisores pintados na cor da carroceria (em substituição ao cromado existente na versão HPE-S). A moldura do skidplate do para-choque recebe acabamento em preto, assim como parte da grade dianteira. Já a moldura dos paralamas possui detalhes em cromado escurecido.

Pajero Sport 2024 - nova versão Legend

Do lado d dentro, o Pajero Sport Legend 2024 adota acabamentos em preto no painel, console central e nas portas, com bancos revestidos em couro preto. O SUV raiz tem aquecimento nos bancos dianteiros e traseiros, enquanto os bancos dianteiros são ajustáveis eletricamente. O modelo conta com som premium com 8 alto-falantes e 510 W de potência, aliados a uma tela sensível ao toque de 8 polegadas, compatível com Android Auto e Apple CarPlay.

RecebanotíciasnoWhatsApp!
Inscreva-se em nosso canal no YouTube
Assine nosso canal no Telegram

Pajero Sport 2024: mecânica

Todas as versões do Pajero Sport 2024 têm o motor MIVEC 2.4L turbo diesel, que entrega 190 cv e 43,9 kgf.m de torque. A transmissão é automática de oito velocidades com pção de trocas sequenciais por meio dos Paddle Shifters atrás do volante.

O Pajero Sport, conhecido por seu desempenho off-road, conta com o sistema Super Select 4WD-II (SS4-II), que oferece quatro modos de operação, adaptando-se a diferentes tipos de terreno. A linha Pajero Sport 2024 também conta com o Off-Road Mode, que otimiza a tração para diferentes tipos de terreno, proporcionando um desempenho mais seguro.

Pajero Sport 2024 - nova versão Legend

Em termos de tecnologia e segurança, o Pajero Sport oferece recursos como freios ABS, controles de estabilidade e tração, piloto automático inteligente, assistência de partida em rampas, sistemas de monitoramento de pontos cegos, frenagem autônoma, entre outros. A carroceria segue o conceito RISE, projetada para a segurança, garantindo resistência em situações de torção.

O carro conta com 45º de inclinação lateral; 30º de ângulo de entrada; 24,2º de ângulo de saída; e os 23,1º de ângulo. Esses números facilitam a vida dos motoristas ao fazer um off-road.

Oficial: Citroën C3 Aircross terá novidade nervosa contra a Spin

0

SUV compacto de 7 lugares terá coração de Fiat Fastback e Peugeot 208. Novo C3 Aircross chega ainda neste ano

A Citroën confirmou oficialmente motorização turbo para o novo C3 Aircross, um SUV para até sete passageiros. Desenvolvido na América do Sul e produzido no Polo Industrial da Stellantis em Porto Real (RJ), o modelo é rival direto da Chevrolet Spin e terá potência extra para encarar a veterana minivan. O lançamento ocorre ainda neste ano e você vai conferir tudo aqui no Carros com Camanzi!

O novo Citroën C3 Aircross terá então motor Turbo 200, um bloco de três cilindros com até 130 cv e 200 Nm de torque. Fabricado em Betim (MG), esse motor fará que o carro seja o mais potente de sua categoria. Lembrando que a Spin tem o veterano motor 1.8 aspirado de 111 cv.

Citroën confirma novo C3 Aircross com motor 1.0 turbo

O turbo será associado um câmbio automático do tipo CVT de sete marchas simuladas e trocas sequenciais. Quando abastecido com gasolina, o motor rende 125 cv a 5.750 rpm e um torque de 200 Nm a 1.700 rpm. No caso de uso de etanol, a potência aumenta para 130 cv a 5.750 rpm, com os mesmos 200 Nm.

Este motor é amplamente utilizado na Stellantis, sendo disponível no Fiat Fastback, Pulse, Strada e Peugeot 208. O bloco em alumínio tem tecnologias como o controle de válvulas Multiair III e uma turbina de baixa inércia com wastegate elétrica, que elimina atrasos no tempo de resposta.

RecebanotíciasnoWhatsApp!
Inscreva-se em nosso canal no YouTube
Assine nosso canal no Telegram

Plataforma

Além do conjunto mecânico, o C3 Aircross também se beneficia da plataforma CMP modular, que combina desenho compacto com eficiência. Os números oficiais não foram divulgados, mas a Citroën assegura que ele será o maior de sua categoria. Haverá ainda saída de ar para os passageiros de trás.

O SUV derivado do C3 terá Com 4,32 metros de comprimento, 2,67 metros de entre-eixos e 1,80 metros de altura. O modelo terá opção com terceira fileira de assentos removíveis, atendendo a uma ampla variedade de necessidades dos consumidores.

para até sete passageiros. Desenvolvido na América do Sul e produzido no Polo Industrial da Stellantis em Porto Real (RJ), o modelo é rival direto da Chevrolet Spin e terá potência extra para encarar a veterana minivan. O lançamento ocorre ainda neste ano e você vai conferir tudo aqui no betsson!

LEIA:
Dono protesta com Volvo XC40 queimado na porta da concessionária
GWM Haval H6 vende mais que Corolla Cross em maio
VÍDEO | Nissan Sentra 2023 Exclusive ganha pelo design e conforto
Jeep Renegade é investigado pelo MP por grave defeito
Novo carro popular: Governo reduz imposto para modelos até R$ 120 mil

O novo Citroën C3 Aircross terá então motor Turbo 200, um bloco de três cilindros que entrega de entregar até 130 cv e 200 Nm de torque. Fabricado em Betim (MG), esse motor fará que o carro seja o mais potente de sua categoria. Lembrando que a Spin tem o veterano motor 1.8 aspirado de 111 cv.

O turbo será associado um câmbio automático do tipo CVT de sete marchas simuladas e trocas sequenciais. Quando abastecido com gasolina, o motor rende 125 cv a 5.750 rpm e um torque de 200 Nm a 1.700 rpm. No caso de uso de etanol, a potência aumenta para 130 cv a 5.750 rpm, com os mesmos 200 Nm.

Tecnologia

Este motor é amplamente utilizado na Stellantis, sendo disponível no Fiat Fastback, Pulse, Strada e Peugeot 208. O bloco em alumínio tem tecnologias como o controle de válvulas Multiair III e uma turbina de baixa inércia com wastegate elétrica, que elimina atrasos no tempo de resposta.

Além do conjunto mecânico, o C3 Aircross também se beneficia da plataforma CMP modular, que combina desenho compacto com eficiência. Os números oficiais não foram divulgados, mas a Citroën assegura que ele será o maior de sua categoria. Haverá ainda saída de ar para os passageiros de trás.

O SUV derivado do C3 terá Com 4,32 metros de comprimento, 2,67 metros de entre-eixos e 1,80 metros de altura. O modelo terá opção com terceira fileira de assentos removíveis, atendendo a uma ampla variedade de necessidades dos consumidores.

Honda ZR-V 2024: SUV deve flopar com motor bobão e preço caro

0

SUV médio não é híbrido nem turbo e custa mais caro que rivais. Novo Honda ZR-V 2024 tem como ponto forte o design e conforto

Honda ZR-V 2024: SUV médio chega com receita antiga
Honda ZR-V 2024: SUV médio chega com receita antiga

O novo SUV Honda chega ao mercado: ZR-V 2024, sua mais recente aposta no concorrido mercado de SUVs no Brasil. Posicionando-se entre os modelos HR-V e CR-V, esse veículo de categoria média combina elementos de sedã com a robustez típica dos utilitários esportivos. Contudo, o preço sugerido de R$ 214.500 pode ser um problema para ter boas vendas. E olhas que a Honda projeta até 1.000 unidades por mês!

LEIA:
Dono protesta com Volvo XC40 queimado na porta da concessionária
GWM Haval H6 vende mais que Corolla Cross em maio
VÍDEO | Nissan Sentra 2023 Exclusive ganha pelo design e conforto
Jeep Renegade é investigado pelo MP por grave defeito
Novo carro popular: Governo reduz imposto para modelos até R$ 120 mil

Vendido somente na versão topo de linha Touring, o novo Honda ZR-V 2024 é importado do México. Nos Estados Unidos é vendido como um HR-V, um SUV compacto para os padrões de lá. Por aqui é um médio, rival de Jeep Compass, Toyota Corolla Cross, Ford Territory, Volkswagen Taos, BYD Song Plus e GWM Haval H6.

Design e Estilo

Baseado na plataforma global do Civic, o ZR-V 2024 se destaca pelo seu design, que equilibra elementos conservadores com um toque de agressividade. Sua silhueta imponente e linha de cintura horizontal baixa contribuem para um visual atraente, herança dos seus irmãos, o HR-V e o CR-V. É importante ressaltar que o ZR-V chega ao mercado com um motor 2.0 aspirado a gasolina, sem a opção de um conjunto turbo ou híbrido.

Elementos em preto brilhante na grade frontal, laterais e para-choques dianteiro e traseiro, juntamente com rodas de liga leve de 17 polegadas com acabamento diamantado e pintura cinza, reforçam a estética esportiva do modelo. Importado do México e conhecido nos Estados Unidos como HR-V, o ZR-V busca se destacar com seu design e presença.

Interior é ponto alto

No interior, a Honda aposta em um novo design que prioriza o conforto e a sofisticação. Os materiais macios ao toque oferecem um ambiente luxuoso, e o console central curvilíneo abriga a alavanca de câmbio e o botão do freio. O volante multifuncional, revestido em couro, oferece controles intuitivos para áudio, telefone e configurações do veículo.

O banco do motorista, com ajuste elétrico, pode ser revestido em couro preto ou cinza, dependendo da escolha da cor da carroceria. O veículo apresenta um cluster digital de 7 polegadas e uma central multimídia de 9 polegadas.

Mecânica tem receita antiga

Sob o capô, o ZR-V 2024 é equipado com um motor 2.0 16V DOHC i-VTEC a gasolina, que oferece 161 cv de potência a 6.500 rpm e um torque de 19,1 kgf.m a 4.200 rpm. Sua eficiência em termos de consumo é de 10,2 km/l na cidade e 12,1 km/l na estrada, de acordo com o Programa Brasileiro de Etiquetagem Veicular (PBEV). O câmbio automático do tipo CVT oferece a opção de trocas de marchas simuladas é a ‘cereja’ do bolo

LEIA:
Dono protesta com Volvo XC40 queimado na porta da concessionária
GWM Haval H6 vende mais que Corolla Cross em maio
VÍDEO | Nissan Sentra 2023 Exclusive ganha pelo design e conforto
Jeep Renegade é investigado pelo MP por grave defeito
Novo carro popular: Governo reduz imposto para modelos até R$ 120 mil

É importante observar que o ZR-V chega com um conjunto mecânico inferior ao do HR-V Touring, que apresenta um motor 1.5 Turbo de 177 cv. Isso sem falar do Toyota Corolla Cross flex e do Jeep Compass flex ou turbodiesel. Também apresenta conjunto inferior aos híbridos BYD Song Plus e GWM Haval H6 HEV. Ganha do Corolla Cross híbrido, mas obviamente leva um banho em consumo e tecnologia.

No entanto, o veículo compensa essa limitação com a inclusão do pacote Honda SENSING, que oferece tecnologias avançadas de assistência ao motorista, como controle de cruzeiro adaptativo, mitigação de colisão, permanência de faixa e frenagem autônoma de emergência.

Dimensões, Capacidade e Cores

O ZR-V 2024 possui comprimento de 4.568 mm, largura de 1.840 mm e altura de 1.611 mm. A distância entre-eixos é de 2.655 mm, e a altura livre do solo é de 178 mm, tornando-o adequado para uma variedade de terrenos, apesar de ser apenas tração dianteira

O porta-malas oferece um espaço de 389 litros, um volume consideravelmente menor do que a média da categoria. O tanque de combustível tem capacidade para 53 litros. Além disso, o veículo possui uma capacidade de carga de 464 kg e um peso em ordem de marcha de 1.446 kg.

ZR-V 2024: cores e quando chega

O Honda ZR-V 2024 estará disponível em sete opções de cores, incluindo três novas adições: Azul Aurora Perolizado, Cinza Titanium Perolizado e Vermelho Adrenalina, além das cores já conhecidas. O preço público sugerido para o ZR-V é de R$ 214.500, com garantia de 3 anos, sem limite de quilometragem.

O lançamento oficial na rede de concessionárias da marca está programado para o próximo 31 de outubro.

FICHA TÉCNICA

EspecificaçõesValores
Motor1.996 cm³
Taxa de Compressão10,8:1
Diâmetro x Curso (mm)86,0 x 85,9
Potência (Gasolina)161 cv @ 6.500 rpm
Torque (Gasolina)19,1 kgfm @ 4.200 rpm
TransmissãoAutomática do tipo CVT
DireçãoAssistência elétrica progressiva (EPS)
TraçãoDianteira
Suspensão DianteiraMacPherson
Suspensão TraseiraMulti-Link
RodasLiga leve – aro 17”
Pneus215/60R17 96H
Estepe TemporárioT135/90D17 104M
Dimensões
Comprimento (mm)4.568
Largura (mm)1.840
Altura (mm)1.611
Distância entre-eixos (mm)2.655
Altura livre do solo (mm)178
Ângulos de Entrada / Saída16,4° / 20,2°
Peso e Capacidade
Peso em Ordem de Marcha (kg)1.446
Capacidade de Carga (kg)464
Espaço Interno
Volume Porta-Malas (litros)389 a 1.306
Combustível
Tanque de Combustível (litros)53
Consumo de Combustível (Gasolina)
Cidade (km/l)10,2
Estrada (km/l)12,1
Classificação Categoria (km/l)C
Classificação Geral (km/l)C
Emissões
Nível de EmissõesA


ITENS DE SÉRIE

Conforto e Tecnologia:

  • Sensores de estacionamento dianteiros e traseiros com aviso sonoro
  • Botão de travamento das portas (motorista e passageiro) com travamento automático de velocidade
  • Vidros elétricos com a função de subida automática dos vidros dianteiros com “um toque” com anti esmagamento
  • Alavanca de seta com One-Touch (pisca três vezes com um toque)
  • Coluna de direção com ajuste de altura e profundidade
  • Banco do motorista com ajuste elétrico (Power Seat)
  • Desligamento automático dos faróis programável
  • Jogo de tapetes com trava antiescorregamento (carpete)
  • Espelhos no quebra sol com iluminação
  • Espelho retrovisor interno fotocrômico
  • Ar-condicionado Digital Dual Zone
  • Portas USB tipo C
  • Botão de partida do motor (START/STOP)
  • Banco traseiro Bipartido (60/40)
  • Volante e alavanca do câmbio revestidos em couro (alguns itens são revestidos em couro e/ou materiais sintéticos de alta qualidade)
  • Acabamento do volante em Black Piano
  • Revestimento dos bancos
  • Bancos com Estabilizador Corporal – Maior conforto e ergonomia
  • 8 Alto-falantes
  • Multimídia 9” com interface para smartphones com Apple CarPlayTM e Android AutoTM
  • Controles de áudio e botão de assistente de voz no volante
  • Painel digital TFT de 7″ de alta resolução
  • Carregador de celular por indução (15W)
  • Seleção de modo de condução: ECON
  • myHonda Connect – Conexão única entre você e o seu Honda
  • Teto Solar
  • Para-brisas acústico

Segurança:

  • Alarme de segurança com imobilizador ECU
  • Freios com sistemas ABS e EBD – Sistema de Freio Antibloqueio / Distribuição Eletrônica de Freio
  • EBA (Emergency Brake Assist) – Assistente de frenagem de emergência
  • Freio de estacionamento eletrônico com função Brake Hold
  • VSA (Vehicle Stability Assist) – Assistente de tração e estabilidade
  • HSA (Hill Start Assist) – Assistente de partidas em Rampa
  • ESS (Emergency Stop Signal) – Sistema de luzes de emergência
  • AHA (Agile Handling Assist) – Assistente de dirigibilidade ágil
  • HDC (Hill Descent Control) – Assistente de Controle de Descida
  • Airbags frontais, laterais, de joelhos (motorista e passageiro) e de cortina
  • Cinto de segurança de 3 pontos e encosto de cabeça para todos os ocupantes
  • Lembrete de afivelamento dos cintos dianteiros e traseiros
  • Sistema ISOFIX de fixação para cadeirinhas infantis
  • Câmera de ré de alta resolução multivisão (três vistas) e linhas dinâmicas
  • TPMS (Tire Pressure Monitoring System) – Alerta de pressão dos pneus
  • Lembrete de esquecimento de objetos no banco traseiro
  • Driver Attention Monitor – Monitor de atenção do motorista
  • Sistema Honda LaneWatch – Assistente para redução de ponto cego

Honda Sensing:

  • ACC (Adaptive Cruise Control) com LSF (Low Speed Follow) – Controle de cruzeiro adaptativo com ajuste de velocidade
  • CMBS (Collision Mitigation Braking System) – Sistema de frenagem para mitigação de colisão
  • LKAS (Lane Keeping Assist System) – Sistema de permanência de faixa
  • RDM (Road Departure Mitigation System) – Sistema para mitigação de evasão de pista
  • AHB (Auto High Beam) – Ajuste automático de farol alto

Acabamento Exterior:

  • Lanternas traseiras em LED
  • Luz de placa em LED
  • Antena tipo Tubarão
  • Limpador de para-brisa com função intermitente e lavadores integrados
  • Conjunto óptico Full LED: Faróis e luzes de rodagem diurna
  • Faróis com acendimento automático (sensor crepuscular) e ajuste elétrico de altura
  • Chave com função Smart Entry com controle remoto, travamento e destravamento das portas por sensor de proximidade na chave e partida do motor à distância

Cores

  • Branco Topázio Perolizado / Acabamento interno na cor Cinza Claro
  • Preto Cristal Perolizado / Acabamento interno na cor Preta
  • Prata Platinum Metálico / Acabamento interno na cor Preta
  • Cinza Barium Metálico / Acabamento interno na cor Preta
  • Cinza Titanium Perolizado (Novo!) / Acabamento interno na cor Cinza Claro
  • Azul Aurora Perolizado (Novo!) / Acabamento interno na cor Cinza Claro
  • Vermelho Adrenalina (Novo!) / Acabamento interno na cor Preta
Honda ZR-V 2024: SUV médio chega com receita antiga

Toyota admite que carro a hidrogênio não está dando certo

0

Alternativa aos carros elétricos, célula de hidrogênio ‘não pegou’ e Toyota vai aplicar tecnologia para veículos comerciais

Toyota Mirai: carro movido a hidrogênio enfrenta dificuldades
Toyota Mirai: carro movido a hidrogênio enfrenta dificuldades

Os detratores de carros elétricos sempre utilizam o exemplo da Toyota para falar que esse tipo de tecnologia “não tem futuro”, tendo em vista que uma das maiores montadoras do mundo está investindo em outra alternativa. Isso porque a Toyota é reconhecida por sua tecnologia pioneira de carros movidos a célula de hidrogênio. O Toyota Mirai é o primeiro modelo comercial com a tecnologia. Contudo, nem tudo parece estar indo bem.

RecebanotíciasnoWhatsApp!
Inscreva-se em nosso canal no YouTube
Assine nosso canal no Telegram

Isso porque o uso de células de combustível a hidrogênio em carros de passageiros ainda enfrenta desafios de infraestrutura. É muito complexo estabelecer uma rede de postos de abastecimento de hidrogênio. Nos Estados Unidos, por exemplo, há apenas 39 pontos. E essa constatação vem da própria… Toyota!

O Chief Technology Officer (CTO) da Toyota, Hiroki Nakajima, confirmou que a montadora tem enfrentado dificuldades na adoção em larga escala do Mirai devido à escassez de postos de abastecimento de hidrogênio. O executivo afirma que a falta de estações de abastecimento faz com que o Mirai seja menos viável no mercado, o que restringe sua disponibilidade, afetando seu volume de produção. A declaração foi dada no Salão de Tóquio em entrevista ao site Auto Car.

“Tentamos o Mirai, mas não fomos bem-sucedidos”, disse Nakajima. “As estações de hidrogênio são muito poucas e difíceis de serem implementadas, por isso o Mirai é menor em volume.” De fato, o sedã tem poucas vendas. Foram pouco mais de 2 mil unidades globalmente neste ano.

LEIA:
Dono protesta com Volvo XC40 queimado na porta da concessionária
GWM Haval H6 vende mais que Corolla Cross em maio
VÍDEO | Nissan Sentra 2023 Exclusive ganha pelo design e conforto
Jeep Renegade é investigado pelo MP por grave defeito
Novo carro popular: Governo reduz imposto para modelos até R$ 120 mil

Alternativa

Aliás, no mesmo evento a Toyota apresentou conceito de carros elétricos que devem chegar em breve: uma picape monobloco e um SUV. Mas isso não quer dizer que ela vá abandonar o hidrogênio. A empresa pretende encontrar outras opções para aplicar a tecnologia de células de combustível a hidrogênio.

Uma das soluções é a utilização por veículos comerciais, que são considerados mais adequados para essa tecnologia. Os veículos comerciais são mais propícios ao uso de hidrogênio devido ao tamanho e peso dos veículos em detrimento de baterias de íon-lítio. Outra alternativa é lançar picapes médias a hidrogênio.

Além disso, a criação de uma rede de postos de abastecimento controlada e mais direcionada é mais viável para veículos comerciais, que normalmente seguem rotas definidas e têm necessidades de abastecimento previsíveis. Essa estratégia facilita a operação de postos de abastecimento, garantindo a estabilidade necessária para o fornecimento de hidrogênio.

Além do hidrogênio

Na mesma entrevista, fica evidente qual é a principal aposta da Toyota. Além da tecnologia de células de combustível a hidrogênio, a marca pesquisa baterias de estado sólido, prevendo o lançamento de sua tecnologia de bateria de estado sólido em 2027 ou 2028.

Essa tecnologia é um avanço significativo para veículos elétricos. A bateria em estado sólido promete aumentar a densidade de energia reduzindo seu tamanho, peso e custo. No entanto, essa tecnologia inicialmente será cara e sua aplicação se limitará a veículos de alto desempenho ou com sistemas de recarga de alta performance.

Enquanto isso, a Toyota também está trabalhando em seu desenvolvimento de baterias de íon-lítio e planeja lançá-las em seus novos carros elétricos a partir de 2026. Essas baterias foram projetadas para redução do tamanho e peso de componentes.

\Isso inclui eixos elétricos, sistemas de controle de temperatura e módulos de bateria, permitindo que sejam aplicadas em uma variedade mais ampla de veículos, incluindo sedãs da marca Lexus e carros esportivos Toyota.

ViaAuto Car

Mascote Planta: crianças participam de programa promovido pela Iveco

0

Oficina do Programa Próximo Passo da Iveco estimula cuidado com a vida e a natureza entre o público infantil em Minas

No último dia 20, um grupo de crianças entre 7 e 10 anos, beneficiadas pelo Projeto Sementes da Educação, participou de uma atividade lúdica e educativa na sede do Programa Próximo Passo, localizada em Sete Lagoas, Minas Gerais. O objetivo da atividade foi estimular o cuidado com a vida e a natureza entre as crianças, promovendo uma experiência prática relacionada à ciência e ecologia. Durante o evento, as crianças tiveram a oportunidade de criar uma Mascote Planta, uma ação que vai ao encontro das diretrizes da Base Nacional Comum Curricular (BNCC) para o Ensino Fundamental.

RecebanotíciasnoWhatsApp!
Inscreva-se em nosso canal no YouTube
Assine nosso canal no Telegram

A criação das Mascotes Plantas envolveu o uso de meias finas de seda, que foram preenchidas com terra e sementes de alpiste. A atividade também incluiu a explicação sobre o cuidado com as mascotes, que, após a germinação das sementes, teriam suas “cabeças” cobertas por brotos verdes. Esse processo de crescimento ao longo do tempo serve como uma oportunidade para as crianças se manterem envolvidas e responsáveis por suas mascotes.

A temática das Mascotes Plantas está alinhada com a área de Ciências da Natureza, conforme estipulado pela BNCC. Essa abordagem promove o estudo de questões relacionadas aos seres vivos, suas características, necessidades e a vida como fenômeno natural e social. Além disso, a atividade se encaixa em temas como resíduos sólidos e os 5Rs, a importância da água e luz para a manutenção da vida, segurança alimentar e nutricional, diversidade, educação ambiental e cuidado com o próximo.

LEIA:
Dono protesta com Volvo XC40 queimado na porta da concessionária
GWM Haval H6 vende mais que Corolla Cross em maio
VÍDEO | Nissan Sentra 2023 Exclusive ganha pelo design e conforto
Jeep Renegade é investigado pelo MP por grave defeito
Novo carro popular: Governo reduz imposto para modelos até R$ 120 mil

Eudson Almeida, supervisor de projetos da Cooperação para o Desenvolvimento e Morada Humana (CDM), responsável pela gestão do Projeto Sementes da Educação, enfatiza que a atividade envolve não apenas a criação de mascotes, mas também a promoção de conscientização sobre diversos aspectos, desde a segurança alimentar até o respeito pelo meio ambiente.

A experiência não se limita ao evento em si, pois após a criação das mascotes, as crianças são incentivadas a cuidar delas, seguindo regras diárias e garantindo que sejam expostas ao sol. O crescimento das plantas que surgem a partir das sementes serve como uma metáfora visual do cuidado e atenção que as crianças devem dedicar à natureza e à vida.

Um dos resultados notáveis dessa atividade foi observado por Marileuza Evangelista, mãe de Manuela Paola, uma das participantes. A presença da mascote em casa despertou uma consciência ambiental na criança, que passou a cuidar de plantas com mais responsabilidade e dedicação. Marileuza compartilha que Manuela trata sua mascote como um animal de estimação, regando-a e colocando-a ao sol diariamente.

Outra atividade promovida pelo Projeto Sementes da Educação foi o Bingo Ecológico. Essa abordagem inovadora funciona como uma ferramenta educativa que desperta o interesse das crianças pelas Ciências, tornando o aprendizado de conceitos relacionados à ecologia uma experiência dinâmica e divertida. O bingo se torna uma maneira eficaz de ensinar as crianças sobre a importância do que aprendem nas aulas de Ciências.

O Projeto Sementes da Educação também promoveu uma série de oficinas voltadas aos idosos, nas quais atividades como artesanato, musicalização e expressões corporais foram oferecidas em diferentes bairros de Sete Lagoas. Além disso, o projeto Lidera 60+ buscou envolver os idosos em processos territoriais relacionados às necessidades e à realidade social do território em que vivem.

O Programa Próximo Passo, que abriga essas iniciativas, tem desempenhado um papel crucial na promoção da educação, da consciência ambiental e da participação ativa das comunidades. O apoio do Iveco Group, que mantém três fábricas em Sete Lagoas, contribui para o desenvolvimento desses projetos, estimulando a diversidade, a equidade e a inclusão. O grupo se orgulha de fazer parte da construção de um futuro mais consciente e sustentável.

Prepare o bolso: estados aumentam ICMS da gasolina e diesel

0

Nova alíquota do ICMS da gasolina e diesel entra em vigor a partir de 2024. Comsefaz afirma que reajuste segue lei aprovada pelo Congresso

Posto de combustível

O próximo 2024 começará com má notícia para quem utiliza veículo a combustão. É que o Comitê Nacional de Secretários de Estado da Fazenda (Comsefaz), órgão que reúne secretários de Fazenda dos estados e do Distrito Federal, decidiu aumentar a alíquota do Imposto sobre a Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) incidente sobre combustíveis. O Comsefaz aprovou aumento de 12,5% nas alíquotas referentes à gasolina, diesel e gás de cozinha. A nova alíquota do ICMS entra em vigor dia 1º de fevereiro de 2024.

RecebanotíciasnoWhatsApp!
Inscreva-se em nosso canal no YouTube
Assine nosso canal no Telegram

De acordo com essa medida, o ICMS sobre a gasolina subirá de R$ 1,22 para R$ 1,3721 por litro. No caso do diesel, a alíquota passará de R$ 0,9456 para R$ 1,0635 por litro, e o gás de cozinha terá sua alíquota aumentada de R$ 1,2571 para R$ 1,4139 por quilo.

A medida está em de acordo com o novo marco de tributação de combustíveis aprovado pelo Congresso Nacional na LC 201, de 2023, que afastou algumas inconstitucionalidades das LC 192/2022 e LC 194/2022. Os convênios foram publicados na edição de 26 de outubro de 2023 do Diário Oficial da União.

Explicação

O Comsefaz fez o reajuste segundo atualização pelo IPCA. O orgão diz que o valor do reajuste segue os parâmetros estabelecidos pela Lei. As novas alíquotas seguirão em vigor até o final do exercício financeiro seguinte (2024), independente de outros aumentos que possam ocorrer s no período.

Essa mudança nas alíquotas representa um acréscimo significativo nos impostos sobre combustíveis. A população certamente sentirá esse impacto em seus gastos diários. Isso porque, os preços já elevados dos combustíveis podem subir ainda mais com esse aumento nas alíquotas do ICMS.

Os governos estaduais e o Distrito Federal alegam que essa decisão é necessária para atender às demandas financeiras e orçamentárias. O ICMS é uma das principais fontes de arrecadação dos estados a alteração na alíquota do ICMS impacta diretamente suas receitas.

Mais conteúdo

LEIA:
Dono protesta com Volvo XC40 queimado na porta da concessionária
GWM Haval H6 vende mais que Corolla Cross em maio
VÍDEO | Nissan Sentra 2023 Exclusive ganha pelo design e conforto
Jeep Renegade é investigado pelo MP por grave defeito
Novo carro popular: Governo reduz imposto para modelos até R$ 120 mil

BYD Seal e Dolphin levam nota máxima no Euro NCAP

0

Três carros elétricos chineses recebem nota máxima de segurança na Europa. BYD Dolphin, Seal e XPeng P7 contam com ADAS e outros recursos

Euro NCAP recebe cinco estrelas em teste de segurança
Euro NCAP recebe cinco estrelas em teste de segurança

A última edição do Euro NCAP, entidade que realiza testes de segurança para o mercado europeu, avaliou três carros elétricos chineses. Fazendo estreia no competitivo mercado europeu, BYD Dolphin, BYD Seal e Xpeng P7 se deram bem. Os três levaram nota máxima de segurança com cinco estrelas.

RecebanotíciasnoWhatsApp!
Inscreva-se em nosso canal no YouTube
Assine nosso canal no Telegram

As marcas são incentivadas a oferecer sistema de detecção de presença de crianças (CPD) nos carros. Esse sistema emite um aviso quando reconhece a presença de uma criança ou bebê no carro. Tanto o Seal quanto o Dolphin estão equipados com o sistema, enquanto o XPENG P7 ainda não possui a detecção de presença de crianças.

LEIA:
Dono protesta com Volvo XC40 queimado na porta da concessionária
GWM Haval H6 vende mais que Corolla Cross em maio
VÍDEO | Nissan Sentra 2023 Exclusive ganha pelo design e conforto
Jeep Renegade é investigado pelo MP por grave defeito
Novo carro popular: Governo reduz imposto para modelos até R$ 120 mil

Avaliação

A atualização da classificação da Euro NCAP em 2023 também inclui um teste sobre como o carro elétrico reage a uma inundação. Essa avaliação consiste em dois testes: o primeiro avalia o destravamento automático das portas do carro quando submerso e o segundo verifica a duração em que as janelas elétricas permanecem funcionais após a submersão. Os veículos BYD e o XPENG ganharam pontos nessa parte da avaliação.

No entanto, os fabricantes europeus continuam na vanguarda da tecnologia, e a tecnologia de direção assistida continua evoluindo rapidamente. Os novos Mercedes-Benz E-Class e EQE SUV foram classificados como “Muito Bons” pelo Euro NCAP. Novos testes serão mais amplos e exigentes em 2024.

“As novas marcas chinesas entraram com força, reconhecendo que os compradores europeus de carros não vão abrir mão da segurança. O secretário-geral da entidade, Michiel van Ratingen, comentou o resultado:

“A Euro NCAP garantirá que essas novas tecnologias sejam introduzidas de uma maneira que realize seu pleno benefício em termos de segurança”.

Últimas notícias

Volkswagen Tarok Concept de 2018 (foto: Thiago Ventura)

Volkswagen terá motor híbrido flex e picape Tarok no Brasil

0
Picape média-compacta terá motor híbrido flex para disputar com Fiat Toro e Ford Maverick. Tarok vai usar plataforma MQB-0
betsson Mapa do site